Home / Destaque / Aceav divulga nota sobre Fake News sobre ovos de plástico

Aceav divulga nota sobre Fake News sobre ovos de plástico

Apesar de ‘denúncia’ de consumidora de Petrópolis (RJ), Brasil não importa ovos da China. Empresa sediada em MG diz que é abastecida por granjas brasileiras

A Associação Cearense de Avicultura (Aceav) divulga nota alertando para fake news sobre ovos de plástico. Segundo a entidade, produtores de ovos brasileiros tem sido vítima de vídeos mentirosos mostrando uma fábrica chinesa de ovos de brinquedos feitos com “slime”. Basta procurar no Google o termo “Poached Egg Slime” para ver o que são. No Brasil, esse vídeo circulou acompanhado de uma mensagem afirmando que era uma fábrica de ovos de plástico vendidos como ovos para consumo. Pegando carona na polêmica, alguns brasileiros postaram vídeos alegrando ter comprado ovos feitos de plástico, importados da China.

“Estes vídeos brasileiros estão divulgando informações falsas”, diz a nota da Aceav. De acordo com a entidade, o Brasil não importa ovos para consumo de nenhum país. “Pelo contrário, somos exportadores para diversos países desenvolvidos, incluindo o Japão, conhecido pelo seu altíssimo nível de exigência”.

A nota informa, ainda, que o Brasil é reconhecido no mercado mundial pela produção de ovos de consumo de altíssimo padrão de qualidade. “A desinformação dos vídeos é danosa a milhões de consumidores em todo o país e milhares de trabalhadores do segmento agrícola”.  A Aceav conclui a nota repudiando “esse tipo de ação irresponsável e se disponibiliza para responder eventuais esclarecimentos que se façam necessários”.

Conforme a imagem abaixo, localizada entre dados do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, a balança comercial brasileira não registou um dólar sequer de importações de “leite e laticínios; ovos de aves; mel natural, etc” chineses entre janeiro e maio de 2018, assim como no mesmo período de 2017.

 

A empresa cujo rótulo a consumidora exibe no vídeo também não é chinesa e não tem qualquer relação comercial com o país do presidente Xi Jinping. A Per’fa Alimentos está sediada em Contagem (MG), na região metropolitana de Belo Horizonte.

Por meio de nota, a empresa classifica o boato como “fraudulento”. “Todas as granjas que abastecem nosso sistema de distribuição se localizam em território nacional e são acompanhadas e auditadas pelo SIF- Serviço de Inspeção Federal – Ligado ao Ministério da Agricultura e Pecuária”, informa a Per’fa Alimentos.

Ovos químicos chineses

Embora não passe de lenda urbana o vídeo gravado pela consumidora brasileira, é possível, de fato, encontrar ovos de plástico na China.

Uma reportagem veiculada pela revista Superinteressante, da Editora Abril, que publica VEJA, relata que são vendidos no país asiático ovos falsificados, feitos a partir de uma mistura de gelatina, resina, parafina, gesso e corantes, entre outras substâncias. A reportagem informa ainda que os ovos plásticos chineses contém óxido de alumínio, um componente tóxico, e cita um estudo da Universidade do Sul da China, cuja conclusão é a de que o consumo do produto pode levar a danos neurológicos.

Ainda conforme a reportagem , a venda dos “ovos made in China” ocorre, sobretudo, no sul do país.

 

 

 

 

Sobre Pedro Mello

Veja Também

SAMU comemora oito anos com atividades integrativas

No próximo dia 25 de julho, a equipe do SAMU SALVAR 192 estará comemorando oito ...