Home / Destaque / Transexual é assassinada por jogador de futebol em São Borja

Transexual é assassinada por jogador de futebol em São Borja

Corpo de Thalia Costa foi encontrado às margens do Rio Uruguai

Em depoimento, homem confessou ter matado a garrafadas Thalia Costa, 32 anos

Uma transexual de 32 anos foi encontrada morta a garrafadas na manhã desta quinta-feira (21), às margens do Rio Uruguai, em São Borja, na Fronteira Oeste. A vítima, conhecida como Thalia Costa, era moradora da cidade e trabalhava vendendo jogos de loteria.

De acordo com o delegado Marcos Ramos Vianna, titular da delegacia do município, a transexual foi morta a garrafadas por um jogador de futebol da cidade, de 22 anos, com quem mantinha relacionamento há 15 dias. Douglas Gluszszak Rodrigues foi preso em flagrante por homicídio qualificado. Conforme o portal G1ele atuava na Associação Esportiva São Borja, time que disputa a Segunda Divisão do Campeonato Gaúcho.

Em depoimento, o namorado da vítima confessou a briga e o crime. Ele alegou que os dois discutiram porque Thalia queria divulgar fotos do casal em redes sociais, o que ele não permitia.

Polícia Civil / Divulgação
Polícia Civil / Divulgação

A polícia chegou ao suspeito após denúncia de um vizinho que encontrou documento de identidade da vítima caído na entrada do prédio onde o jogador mora e manchas de sangue na escada.

O local onde Thalia foi morta fica na periferia da cidade, próximo a uma estação de captação de água. A Polícia Civil analisou imagens de câmeras da região e identificou o casal chegando de mãos dadas na noite de quarta-feira (21).

A hipótese é de que Thalia tenha sido morta ainda durante a noite, apesar de o corpo ter sido encontrado apenas pela manhã por moradores da região.

Web Noticias Alegrete . com

Fonte :Gaucha ZH

 

Sobre Pedro Mello

Veja Também

Prefeitura de Uruguaiana regulariza terrenos ocupados por 55 famílias

O termo de posse foi entregue aos moradores, que passam e ter direito sobre a ...

Deixe uma resposta